Alguns itens são fundamentais em qualquer plano de marketing, a fim de complementar a estratégia dos negócios rumo a um objetivo comum: o sucesso da empresa. Quando conhecemos a fundo as nossas forças e fraquezas e alinhamos isso com as ameaças e oportunidades do mercado, as chances de prosperar são elevadas ao máximo — e nem mesmo uma crise é capaz de chegar de surpresa para atrapalhar os seus objetivos.

Foi pensando nisso que separamos 4 itens fundamentais para qualquer plano de marketing que a sua empresa tem que conhecer:

1. O planejamento

Essa etapa consiste em estabelecer onde a sua empresa está e aonde você quer chegar. Analise nos mínimos detalhes as peculiaridades do seu mercado, como concorrência, fatores econômicos, políticos, sociais e culturais, tecnologia disponível, entre outros.

Detalhe ao máximo o seu público-alvo. Qual a faixa etária, gênero, nível de escolaridade, profissão, renda, localidade e etc. O ambiente interno também precisa de bastante atenção, como equipamentos, localização, tecnologias à disposição, recursos financeiros, funcionários e parceiros.

2. As metas e os objetivos

A elaboração das metas e objetivos precisa ser clara e realista, quantificável e mensurável. É claro, sem deixar de lado pretensões maiores, porém, focado nos resultados que sabe serem possíveis de alcançar. Saia na frente da concorrência, conheça muito bem o seu produto ou serviço e entregue além do que o cliente está acostumado e esperar.

Leve em consideração os 5 Ps:

  • Produto: tangível (produto) e intangível (serviço).
  • Praça: canais de distribuição. Como o cliente entrará em contato com a empresa?
  • Preço: quanto vale o seu produto ou serviço e o quanto o seu cliente está disposto a pagar?
  • Promoção: informações relevantes entregues em diversos meios de comunicação, de forma criativa e direta.
  • Pessoas: essenciais para o sucesso de qualquer empresa. Público interno e externo.

3. A implementação

Chegou a hora da ação! É preciso definir as atividades, saber por quanto tempo serão executadas, de que forma e em qual sequência. Determine quem é o responsável e levante os custos de toda e qualquer ação, pois a verba precisa cobrir todos os gastos e permanecer dentro dos limites planejados — nada de surpresas indesejadas nessa etapa.

Esse momento exige muito trabalho e atenção, mas falta pouco para concluir o seu plano de marketing.

4. A avaliação

Deve ser realizada durante todo o processo, mas tenha em vista que a avaliação preventiva garante satisfação maior para os clientes e custos menores para a empresa. Para tanto, é preciso manter uma boa comunicação interna, equipe motivada e comprometida, controle de custos, lucros e diversos outros padrões. Faça avaliações internas mensais, pesquisas de satisfação com os clientes e tenha uma boa visão do que foi planejado em comparação com o que foi de fato cumprido.

Seguindo esses modelos de plano de marketing, é possível minimizar os riscos e incertezas, adquirir vantagens competitivas, aumentar seu espaço no mercado e atingir melhores resultados. Mantenha-se informado e fique de olho nas mudanças (cada vez mais velozes), pois é preciso se adaptar ao ritmo dos novos tempos.

Ainda tem dúvidas sobre o assunto ou experiências para compartilhar? Deixe a sua opinião nos comentários!

[email protected] | + 55 48 3304-6549